Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

O vintage e o retrô: caricatura de um tempo

Comprei três desses itens por sugestão de minha irmã, quando lembrávamos de tempos já atravessados e a saudade de nossa avó rodopiou em nossas lembranças. Mas, a bem da verdade, essa imagem não mexe apenas com nossa particularidade, faz parte do imaginário popular (ao menos no Brasil), pois dobra-se para um passado ainda bastante fresco na memória de muitos adultos de hoje. São itens simbólicos que acenam para a simplicidade de uma classe (povo, trabalhadores), cujo ápice do luxo tinha o requinte de uma ciganinha (flor do cerrado)! (Foto de Jean Marconi) Assumir isso numa roda de amigos ou de familiares e, mais ainda, publicamente, é um modo singelo de homenagear quem nos marcou ou o que nos marcou no decorrer de nossa curva do tempo. É uma idealização do vínculo que não se quer romper (com uma memória que satisfaz). by Janete Santos (fotos do blog)

Últimas postagens

As faces da língua

Tática (quadra poética)

Açaí com jabá

Honra (quadra poética)

The convicts